Curiosidades

A cultura do café na Austrália

Coffee
Publicado por Marina Abreu Silva

Ontem, dia 1 de outubro, foi o dia internacional do café. Saiba mais sobre a cultura do café na Austrália e suas curiosidades.

O café chegou na Austrália em 1788 mas só na década de 1950 que o café de boa qualidade foi introduzido na vida dos australianos.

Isso veio com a influência dos imigrantes europeus como italianos, gregos, franceses, turcos, austríacos e húngaros que tinham a cultura de tomar um bom café em casa mas nem sempre conseguiam achar um bom café nas ruas.

Passagens Top
Comm Bank Top
Ovo Top
Imigração Top
CTax Return Top

Hoje praticamente toda cidade por menor que seja e todo bairro vai ter pelo menos um café que sirva usando a máquina de café espresso profissional.

Melbourne é a capital do café na Austrália, isso se dá ao fato de que a cidade abraçou a cultura européia mais cedo do que as outras.

O australiano toma em média 9.2 cafés por semana e a maioria é bem específica sobre seu café e vai sempre pedir a mesma coisa. Eles vão ter seu coffee shop preferido, seu barista preferido e até sua marca de café preferida. Eu trabalhei dois anos como barista e muitas vezes não sabemos o nome do cliente mas sabemos o café que ele toma. Então é comum escutar : “O long black com leite tá chegando. O skinny flat com adoçante passou aqui hoje”, e quando o cliente chega o café já está pronto, sem nem precisar pedir. Mas também é comum esperar 10-15 minutos pelo seu café sem reclamar, já que cada café é praticamente uma “arte”.

E também é muuuito comum receber pedidos bem estranhos e trabalhosos. Alguma pessoas levam um minuto só pra dizer o café que tomam: “Can I have a 3/4 Capuccino with a shot of decaf coffee, a shot of normal coffee, with soy milk, no chocolate on top and 2 sugars?”.

Então muita gente chega aqui na Austrália e pede “um café por favor”.. as pessoas vão te olhar como se não entenderam o que você falou. Qual café?

Todo café se baseia em um shot de espresso e a diferença vai ser no leite ou na falta do leite. Um bom barista tem que saber a temperatura e textura perfeita do leite para cada tipo de café. Você tem que escolher entre:

Ristretto – é a metade do shot do espresso. Ou seja, um espresso mais forte, com menos água.

Espresso/short black – é um shot do café

Flat White – é o espresso com o leite com quase nada de espuma

Latte – é o espresso com o leite com mais espuma no topo

Picollo Latte – é um mini latte, em um copo bem menor

Capuccino – é o espresso com um leite bem cremoso e chocolate em pó por cima

Mocha – é um Latte mas com chocolate dentro do copo e chocolate em pó por cima

Long Black – double espresso com água fervendo. O café preto

Machiatto – é o espresso com um pouco de espuma do leite por cima

Isso é o básico. Existem várias combinações e “apelidos” para pedir o café que você vai aprender com o tempo.

Algumas curiosidades:

1 – A Austrália é o único país que a Starbucks não deslanchou

As pessoas valorizam um café feito todo “artesanalmente” pelo seu barista. Café que se faz apertando um botão não vai ter o mesmo sucesso aqui.

Starbucks abriu 84 shops na Austrália e em 2008 fechou 61 deles e mudou a forma de fazer café nas lojas restantes. Mesmo assim a Starbucks é mais utilizada por turistas do que por australianos.

2 – O Flat White foi inventado na Austrália

Hoje o flat white é vendido em Nova York nas redes de café do Hug Jackman e a Starbucks também adotou o café nas suas redes do UK.

3 – Os australianos são conhecidos como café snobs

Tendo essa cultura de “um bom café” e tantas opções, os australianos tendem a reclamar muito no twitter quando visitam outros países e não conseguem achar um “café decente”.

4 – 95% dos coffee shops na Austrália são independentes

A maioria dos coffee shops não fazem parte de redes e não existe uma empresa que domina o mercado de café na Austrália.

5 – McDonald’s também teve que se adaptar

Claro que a maioria dos McDonald’s ainda vendem o café da máquina que só aperta um botão, mas eles abriram vários McCafé onde você pode tomar um café feito por um barista e na maioria das lojas de beira de estrada também oferecem esse tipo de café.

6 – Artificer café em Surry Hills não vende comida para não distrair os clientes

O foco do Artificer é o café! Eles também mudam os grãos usados todo mês pra você poder apreciar vários tipos de café.

 

O que você acha do café na Austrália? Você toma café? Qual o seu? Deixe seu comentário.

Ovo Top
CTax Return Top
Imigração Top
Passagens Top
Comm Bank Top

Sobre o autor

Marina Abreu Silva

Marina (Nina) mora em Sydney desde 2010. É barista, baterista, developer, blogger e agente educacional. Trabalha com intercâmbios e criou o site Tagarela pra ajudar outros brasileiros que tem a intenção de visitar, morar ou migrar para Australia.

Deixe seu comentário

cinco × 2 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.